Minha doença

Eu sofro de um problema serio de me apaixonar por caras com os quais eu sonho. Não sei o nome dessa doença. E tambem nem quero saber, so queria que parasse, porque essa noite sonhei nao sonhei com meu namorado, e sim com melhor amigo, o qual fui apaixonada por um tempo, odeio admitir isso.  Conversamos muito ontem a tarde, sempre conversamos muito, sobre tudo. E, as vezes, um sonho eh tudo que eu preciso pra voltar a gostar dele. Nao quero isso. Quero me apaixonar todos os dias pela mesma pessoa: meu namorado. Mas realmente, hoje foi um dia dificil, porque nao acordei pensando nele e, talvez, eu raramente acorde pensando nele. Acordei pensando no Bobassauro**, o que acontece com uma certa frequencia. Nao sei o que fazer.

Eu sinto que eu estou estacionada: Bobassauro nao gosta de mim e nunca vai gostar, mas eu gosto dele bem la no pantano do meu coracao e talvez isso nunca vai acabar.

Eu prometi ao Supercombo* que nunca o deixaria, que nunca o trocaria por ninguem, e isso estava sendo facil, mas agora nao esta sendo mais. Queria beber e desmaiar e vomitar e me acabar, so pra nao pensar em ninguem, mas eu sei que isso nao adianta pra mim. Eu estou realmente perdida.

Ontem conversando por mensagens com o Bobassauro contei uma historinha para ele. Estavamos conversando sobre uma amiga nossa ter ficado gravida:

-Eu realmente entendo ela, imagino o que se passa na cabeça

-Ah, todo mundo sabe um pouco de como eh isso

-Bom, teve uma vez que fiz um teste e deu positivo, fiz outro e deu positivo de novo, uma semana depois aconteceu um negocio estranho, e quando fiz de novo o teste deu negativo. Abortei.

-Misericordia de Deus na sua vida

Ele comecou a falar de outra menina que tem filho, e eu disse:

-Se eu te falar que o aconteceu foi quando eu tava com voce?

-Serio?

-Misericordia de Deus na sua vida hahaha

-Eh serio isso? Aquela vez?

-Nao te contei porque voce ia me encher o saco, e agora ja ta tudo resolvido.

-Caracas… nem sei o que falar

-Faz tempo, esquece isso

– Mas foi gostoso kkkkkk

– Voce eh nojento

-Eu nao, eita saudaade

Depois de eu tentar desviar o assunto ele retorna:

-Eu ia casar com voce se voce tivesse ficado gravida, to pensando nisso

Repeti varias vezes que isso nao aconteceria, porque eu nao ia casar com ninguem por obrigacao da casualidade. Eu continuou ensaiando a possibilidade, falando como ia dar tudo certo, como a gente se daria bem. Eu ja sabia de tudo aquilo, porque eu ja havia ensaiado tudo na minha cabeca umas mil vezes, antes.

Queria ter tido a oportunidade de tentar. Nunca tive. Eu nunca fui a garota que ele levou ao cinema, que ele saiu varias vezes pra conhecer melhor, a garota de quem ele falava pros amigos, ele nunca me viu como mulher, talvez nas vezes que se deitou comigo, mas ali ele nao me viu como alguem importante, so como mais uma garotinha que ele conseguiu enrolar.

Por que eu gostei dele? Eh a pergunta que algumas pessoas me fazem, mas elas nao sabem o cuidado todo que ele teve comigo, e o tanto que ele acreditou em alguem como eu, que ninguem apostava nada. Mas nada disso vai acontecer e eu vou passar a vida toda me perguntando -Como teria sido?

 

*Supercombo: nome artificial do meu namorado

**Bobassauro: nome artificial do meu melhor amigo

Ate minha proxima crise.. xoxo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s